O projeto "Casa do Blues" após oito anos, abre suas portas para São Jose do Rio Preto e região.

Minha foto
São José do Rio Preto, São Paulo, Brazil
O projeto "Casa do Blues", após 8 anos, transfere suas atividades para São Jose do Rio Preto, trazendo uma opção diferenciada em entretenimento noturno para a cidade e região, acreditando no seguimento blues-rock, oferecemos o melhor do seguimento, videos em altíssima definição, cardápio muito bem elaborado com pratos da culinária nacional e internacional, bebidas de variadas nacionalidades e cerveja artesanal da melhor qualidade, venha conhecer nosso espaço, também com musica ao vivo aos finais de semana, Fone: (17)991491352.

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Gary Moore - The Definitive Montreux Collection


Gary Moore - The Definitive Montreux Collection, isto mesmo a coleção definitiva deste grandioso musico em suas apresentações em Montreux Suiça, e que são 5 no total, de 1990 até 2001 e isto em altíssima definição de áudio e vídeo, nestes dois DVD's fantásticos, do blues ao rock and roll, Gary aproveita a viagem e mostra sua técnica, e no primeiro show conta com a participação mais que especial do bluesman , The Ice Man  Albert Collins, importante influencia na obra de Gary, e de muitos outros, venham conferir mais este trabalho deste querido musico que recentemente nos deixou, deixando um vazio no mundo do blues e rock and roll, sentiremos sua falta, e as demais apresentações são desde já dispensadas, venham conferir, para os fans fica o convite, e para os que não conhecem fica também o convite, aproveitem, altamente recomendado.

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Amigos da Casa do Blues.






Quase 8:00 hs am, e ninguém queria ir embora....

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Frango com Vegetais

Prato muito requisitado aqui na Casa do Blues, que tem sua origem através da culinária chinesa tradicional, mas com um toque bem brasileiro, preparado com filé de frango, pimentões, cebola e tomate, pode ter como variante, o acréscimo  do brócolis de acordo com o pedido do cliente, recebe também molho de soja e molho ingles, servido em chapa de ferro quente, outra característica herdada da culinária chinesa, altamente recomendado.

Quinta Feira na Casa do Blues

Quinta feira também é dia de ouvir um bom blues e rock and roll, tomando uma cerveja bem gelada, e aproveitando os pratos diferenciados da Casa do Blues, ambiente sempre freqüentado por pessoas descoladas e descontraidas, amigos da Casa do Blues, e para os que não conhecem fica o convite, aproveitem, com telões de 42 e 125 polegadas de alta definição para curtir o melhor do blues e rock and roll.


                                                       Cesar e Matula , amigos da Casa do Blues

                                            

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Gary Moore morre, morre um bluesmam.



Virtuoso guitarrista e compositor, conhecido inicialmente por sua participação na irlandesa banda de hard rock Thin Lizzy , e na banda Skid Row, teve Eric Clapton, Peter Green e Jimi Hendrix como principais influencias, foi um guitarrista virtuoso que entre suas influencias podemos notar o hard rock, o jazz e o blues, com quem flertou muito intensamente, e deixou registros, realmente dignos de um verdadeiro bluesman .Durante toda sua carreira ele gravou nada menos que 20 álbuns de estúdio, além de 6 apresentações ao vivo oficiais, entre elas uma lendária apresentação no famosos festival de Moutreux, no ano de 1990, item religiosamente indispensável que também faz parte de nosso acervo.A vida de quem cresceu em meio às bombas do IRA e às brigas religiosas do pós-guerra refletia no som marcante de sua gibson guitarra esta que podemos notar sua preferencia, um som extremamente triste e sofrido, mas também visceral e técnico quando solicitado.Ele iniciou a trajetória profissional aos 16 anos de idade,  participando das gravações de um álbum da banda de folkDr. Strangely Stranger. Pouco depois, Moore estava no Thin Lizzy, onde conheceu seu fiel comparsa, Mr. Phil Lynott. Apesar do fanatismo pelo blues, o jazz também fazia sua cabeça, tanto que foi o estilo melhor explorado em seu primeiro álbum-solo, Grinding Stone (1973), e em sua breve jornada com a segunda encarnação do Colosseum, batizada de Colosseum II.No Thin Lizzy, ele colaborou na gravação de alguns álbuns, mas gravar mesmo foi só no compacto Darling (1974) e no álbum Black Rose (1979).Em parceria com Ozzy Osbourne, Moore compôs e gravou a canção "Lead Clones", presente em seu disco After The War e no CD "The Secret Songs" de Ozzy. Fez a sua carreira solo e com muito sucesso, com destaque em duas fases distintas: a mais pesada de discos como "Corridors Of Power" (1982) e a mais blueseira de álbuns como Still Got the Blues (1990).Alguns de seus temas mais conhecidos são Still Got the Blues, Walking by Myself, Out In The Fields e Empty Rooms . Foi encontrado morto, num quarto de hotel, no dia 6 de Fevereiro de 2011, na costa del sol malaguenha em Estepona, Espanha, onde se encontrava a passar as férias féria, e deixa agora muita tristeza e pesar, e nós da Casa do Blues, em homenagem a sua obra e vida esta semana estaremos fazendo na terça feira um especial "Still Got the Blues", que sera uma seleção de vários vídeos que registram Moore, em varias fazes de sua vida, desde o começo até os últimos trabalhos, fica aqui nossos sentimentos, e celebrações de sua vida e obra.